Inspiração para transformar: Empreende Mulher Catarinense reúne 300 participantes em Camboriú

O empreendedorismo feminino e o papel da mulher enquanto agente de transformação na sociedade estiveram em pauta durante a quarta edição do seminário Empreende Mulher Catarinense, realizado nesta sexta-feira (17), no Maria’s Centro de Eventos, em Camboriú/SC.

Reunindo cerca de 300 participantes, o encontro comemorou a passagem do Dia Nacional e Dia Estadual da Mulher Empresária e foi promovido pelo Conselho Estadual da Mulher Empresária (Ceme), em conjunto com a Federação das Associações Empresariais de Santa Catarina (Facisc) e o Conselho Nacional da Mulher Empresária (CNME).

Representatividade

A presidente do CNME, Neiva Kieling, destacou o papel da mulher na sociedade e o protagonismo feminino: “Precisamos sensibilizar as mulheres para realmente serem protagonistas nas entidades empresariais, nas empresas, na política, enfim, em todos os campos da sociedade”.

Jonny Zulauf, presidente da Facisc, falou da força do movimento da mulher empresária para a Federação, que hoje representa mais de 34 mil empresas no Estado. “Destaco importantes bandeiras em que a mulher está no centro, como o desenvolvimento sustentável e social e o desenvolvimento da América Latina”, enfatizou, frisando o projeto Al-Invest e o movimento Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS). Em ambos, a equidade de gênero é considerado essencial para o crescimento da sociedade.

Em sua fala, a presidente do Ceme, Janelise Royer dos Santos, chamou as empresárias presentes para uma reflexão em torno da disparidade salarial. “Santa Catarina é o estado brasileiro que tem mais diferença entre os salários de homens e mulheres. É nosso papel contribuirmos para mudar essa realidade”, afirmou. Ela também falou sobre as ações que o Conselho vem desenvolvendo em prol do protagonismo das mulheres empresárias em Santa Catarina e agradeceu a participação no evento. Patrocinadora oficial do seminário, a Sicredi também esteve representada no evento pelo diretor executivo da Sicredi Litoral, Arão João da Silva Neto.

Transformação pelo exemplo

O 4º Empreende Mulher Catarinense foi palco de histórias inspiradoras. Uma delas foi contada pela representante da ONG Inspiring Girls International no Brasil, Corinne Giely Eloi, que abordou o tema “Inspirando novas gerações”. Durante sua explanação, ela mostrou quais os objetivos da organização para transformar a realidade de jovens mulheres ao redor do mundo.

Falando em transformação, a diretora do Grupo Ouseuse, Rosana Marques, usou seu espaço para evidenciar “Como engajar pessoas, inspirar ações e transformar uma cidade”, tendo como exemplo o trabalho desenvolvido na cidade de Juruaia, em Minas Gerais. Defensora do associativismo, Rosana tem expressiva participação neste meio e compartilhou suas experiências com entusiasmo.

Para finalizar a programação da manhã, a diretora de Operações do Sicredi RS/SC, Angelita Marisa Cadoná, destacou o “Cooperativismo como ferramenta de desenvolvimento”, mencionando, especialmente, as ações do Programa Sicredi Mulher. São atividades de capacitação e qualificação que têm como foco o público feminino e contribuem para o desenvolvimento pessoal e profissional de mulheres ligadas à cooperativa de crédito.

Momento de inspiração

A hora do almoço foi uma oportunidade para a troca de experiências e geração de negócios entre as participantes. Por meio de uma atividade proposta pela organização do evento, as mulheres apresentaram suas empresas e compartilharam boas práticas e ideias, sob a orientação da consultora do Ceme, Mariane Bergmann.

Já a 1ª secretária do Conselho, Rejane Silva Sánchez, subiu ao palco para falar sobre o cenário de feminicídios no Brasil, alertando e repassando conhecimento acerca do tema. Na sequência, a presidente da Associação Empresarial de Santa Terezinha (Aciast), Ana Sapelli, falou sobre “Como transformar dificuldades em oportunidades e contribuir para o desenvolvimento local”.

Mágica e ilusionismo na palestra master

De forma criativa e dinâmica, a psicóloga e ilusionista Meiry Kamia enfatizou o empoderamento feminino, a autoconfiança e a inteligência emocional a partir do tema “A mágica da transformação”. Sua palestra marcou o encerramento da programação do Empreende Mulher Catarinense 2018, deixando as participantes na expectativa para as atrações do próximo ano.

Tendo como patrocinadora oficial a Sicredi, a ação contou com o patrocínio da Casaredo e do Sebrae, além do apoio financeiro da União Europeia, por meio do programa de cooperação Al Invest 5.0, gerenciado pela Câmara de Indústria, Comércio, Serviços e Turismo (Cainco), Santa Cruz, Bolívia. As associações de Balneário Camboriú e Itajaí, assim como a Unifique Internet e a Sankhya Gestão de Negócios também foram apoiadoras da iniciativa.

Confira todas as fotos do evento aqui: https://goo.gl/qvuRtc

DSC_0116

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *